Web Hosting

Porque devemos reduzir antes de organizar

Like 14+
Pinterest
Pinterest
Google+
https://changingmyselffirst.com/porque-devemos-reduzir-antes-de-organizar/
Twitter
Facebook
LinkedIn
Instagram

Olá a todos,

Hoje vou falar-vos sobre o porquê de reduzir antes de organizar a nossa tralha e a importância que tem. Um dos erros mais comuns que cometemos, quando queremos arrumar a nossa casa, é não reduzir antes de organizar.

Tentamos começar pelo fim e nem damos que trocámos a ordem natural, pela qual devíamos ter efetuado os nossos afazeres. Não é porque seja obrigatório seguir esta sequência, mas sim, porque nos trás benefícios que muitas vezes não vemos no imediato.

Se tens grandes ou pequenas arrumações pela frente, vale a pena pensar sobre este assunto antes de iniciares. Vais ver, que no final vai valer a pena, reduzir antes de organizar, dado permitir-te efetuar todo o processo de forma mais rápida e menos desgastante.

Original photo by Annie Spratt on Unsplash

Porque devemos reduzir antes de organizar a nossa tralha

Se começarmos a organizar antes de reduzir, podemos ter algumas surpresas desagradáveis. Estamos a organizar agora tralhas, de que mais tarde nos vamos desfazer. Isto cria uma certa entropia, pois perdemos muito tempo, que é hoje em dia tão precioso, a organizar tralhas que na realidade não queremos.

Não nos podemos esquecer, para além do tempo investido, há normalmente também um investimento monetário. Quer seja a comprar umas caixinhas novas ou a comprar novos organizadores supereficientes, acabamos sempre por despender algum dinheiro. Sei bem como isso é, fiz isso durante muito tempo, antes de chegar à conclusão que não necessitava de ser mais organizada, apenas necessitava de menos tralha.

Tanto o nosso dinheiro, como o nosso tempo são recursos limitados, assim sendo, temos que dispor deles da melhor forma possível, tentando não desperdiçar nenhum deles. Assim sendo, proponho que repensem a forma como vêm a vossa abordagem a estes dois recursos. Eles são mais escassos, do que nos damos muitas vezes conta.

Talvez o melhor seja despender menos dinheiro e menos tempo nas tarefas de organização, que não nos trazem tanto prazer. Convido-vos, agora sim, a reduzir antes de organizar. Vão ver que o proveito retirado, é muito superior ao que vocês alguma vez pensaram. Deixem-se levar por uma nova corrente de simplicidade, que valoriza o "ser" e não o "ter".

 

4 Benefícios de reduzir antes de organizar

Antes de mais, vamos determinar os benefícios de reduzir antes de organizar, para suportar o que estou para aqui a dizer:

  1. Poupamos tempo e dinheiro despendido em organizadores
  2. Poupamos tempo ao organizarmos tudo de uma vez
  3. Reduzimos o cansaço associado à organização
  4. Conseguimos saber quanto espaço realmente necessitamos

Poderás vir a encontrar outros benefícios, que não tenha aqui referido, se assim for, gostaria de saber quais, se quiseres partilhar. Estes são para mim os maiores benefícios e realmente vale a pena experimentar. Se não quiseres fazer a casa toda, experimenta apenas num armário!

1. Poupamos tempo e dinheiro despendido em organizadores

Ao termos menos que arrumar, começamos a pensar em formas mais simples de organizar os espaços. Servem muito bem simples caixas, prateleiras e gavetas existentes, deixamos de ter a necessidade de ter organizadores complexos, dado termos espaço para tudo.

Podemos, mesmo neste processo relativamente simples, despender mais, ou menos tempo e dinheiro, consoante as opções que se tomem. Se decidires não gastar muito dinheiro, reaproveita o que já tens e dá-lhe um novo fim. Poupas ainda o tempo de te teres que deslocar a uma loja para comprar organizadores mais caros e complexos, que no final não vais necessitar.

Poderás futuramente consultar um post, que irei escrever sobre como reutilizar o que temos em casa, a um custo praticamente zero. Adere à newsletter, para poderes ser notificado de atualizações como esta, que te interessam.

2. Poupamos tempo ao organizarmos tudo de uma vez

Se não reduzirmos antes de organizar, o que pode suceder, é estarmos a organizar várias vezes os mesmos sítios, sempre que se faça alguma redução de tralhas. Ou seja, colocamos o que em bom português se chama a carroça à frente dos bois.

Vamos a um mini exemplo. Se hoje decidir experimentar todas as camisolas que estão numa determinada prateleira, reduzo por exemplo 20%. Agora estas já cabem na gaveta da cómoda, então o que vou por na prateleira?

Temos que ter em conta, que coloquei as camisolas na gaveta da cómoda, mas talvez não tenha feito uma redução de tralha ao que já estava nessa gaveta.

Daí a uns tempos, quando formos ver a gaveta onde tínhamos colocado as camisolas, o que acontece? Vamos passar pelas mesmas peças que já havíamos analisado antes. Estamos a reduzir o conteúdo desta gaveta, então, já cabe tudo novamente na prateleira. Agora sim, tenho espaço na gaveta para outras coisas que antes não estavam tão à mão. Esta, não é uma situação, em que me gostaria de ver novamente. E vocês?

3. Reduzimos o cansaço associado à organização

Apesar de muitos acharem que o método de Marie Kondo, é muito cansativo e que leva algum tempo, acho que é a forma mais pragmática de atacar o problema. Segundo ela, devemos juntar todos os itens da mesma categoria, para depois decidir, se ficamos ou damos as coisas, é uma forma muito eficiente de verificarmos as quantidades absurdas que realmente temos de duplicados. Cada vez percebo melhor a teoria de The Life-Changing Magic of Tidying de Marie Kondo e a razão pela qual a devemos aplicar. Um excelente livro para quem quer algo eficiente, mas pouco denso e massudo de ler.

Resumindo, se temos menos tralha na nossa casa, então vai ser mais fácil arrumar. Não será tão cansativo o processo de organização, dado termos efetuado um trabalho substancial ao reduzirmos o que não necessitávamos antes.

4. Conseguimos saber quanto espaço realmente necessitamos

Sem teres reduzido o que quer que seja ou apenas algumas coisas, como sabes quanto espaço vais realmente necessitar quando acabares? Eu, não tenho uma bola de cristal e como presumo que tu também não. Temos que reduzir, antes de iniciarmos a organização do espaço! Quando terminamos de reduzir as tralhas, ficamos com uma noção do espaço que temos, e como o vamos agora, que reduzimos, poder preencher.

Quando reduzi o meu guarda-roupa pela primeira vez, vê como o fiz em Um passo gigantesco para um guarda-roupa reduzido, fiz uma limpeza e tanto. Depois, fui toda feliz, comprar algumas caixas todas bonitinhas e sabes o que me aconteceu? Um ano e meio depois, metade dessas caixas foram dadas. Percebi uma coisa muito importante, reduzir é um processo, quando começamos, começamos a perceber, que cada vez conseguimos viver com menos e vamos consequentemente desfazendo-nos de mais e mais tralhas.

 

Estamos num processo mais ou menos longo de reduzir antes de organizar

Não se esqueçam, reduzir a nossa tralha é um processo. Por muito que se reduza toda a tralha na nossa casa de alto a baixo esta semana, iremos perceber, que com o tempo, não terminámos com aquela primeira redução. A verdade, é que demos um primeiro passo, no sentido de uma vida mais simples e organizada, nada mais.

Passamos a perceber, que menos passa a ser mais, mais tempo, mais para nós. Iremos gradual e naturalmente, adotando uma vertente mais minimalista. Se não estás familiarizado com as ideias por detrás do minimalismo, sugiro que dês uma olhadela às 18 vantagens do minimalismo que te vão inspirar a mudar, antes de começares a pensar em arranjar novo material para organizar algo que possivelmente daqui a um ano já não vais necessitar...

Reduz antes de organizar, mas quando fores organizar, tenta ser racional. Espera para comprares as tuas caixinhas e divisórias bonitas, senão podes ter uma desilusão, tal como eu tive.

 

Raquel

Pinterest
Pinterest
Google+
https://changingmyselffirst.com/porque-devemos-reduzir-antes-de-organizar/
Twitter
Facebook
LinkedIn
Instagram
Like 14+

2 Comments

  1. ACF

    Concordo absolutamente! Com a minha filha fui perdendo todo o espaço livre que tinha em caso e em 5 anos fiquei com uma casa sobre lotada e em que já não me sentia confortável, os meus passos foram optar por pintar as paredes e retirar tudo o que não preciso, ou para dar/lixo ou para arrumar na arrecadação. Tem sido um processo muito moroso mas verifiquei que nem precisava de mais caixas de arrumação, tinha imensas e foram todas reutilizadas, nem de organizadores novo, apesar de ter optado por substituir 2 móveis para maior conforto e mobilidade no espaço da divisão. Esta “cruzada” já dura há 6 meses e está longe de estar terminada. Ainda não tive coragem de “atacar” a minha roupa p.e. e sei que esse ponto é essencial porque tenho em quantidade o que deveria ter em qualidade, mas ainda lá irei, um passo de cada vez. É catártico, uma libertação que dá satisfação, e aproveito o exercício físico que bem preciso 🙂 Excelente postura de vida, muito zen e equilibrada, é basicamente trazer bom senso e conforto à nossa vida!

    Reply
    1. Raquel (Post author)

      Espero que estejas a aproveitar esta “cruzada” como lhe chamas, quando começares a fazer a roupa da tua filha, envolve-a o mais possível. As crianças gostam e acabam por perceber a razão que nos leva a ver livres de muita coisa. Que corra tudo pelo melhor e espero ouvir notícias tuas quando terminares 🙂

      Reply

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: